Jigs and Reels

O título Jigs and Reels terá tido origem nas faixas dos cds de Steeleye Span que correspondiam normalmente a um conjunto de pedaços anónimos, sem importância suficiente para que lhe fosses dado um título real – uma adenda. E esta é realmente a melhor maneira para definir sucintamente a primeira colectânea de 22 contos de Joanne Harris, traduzida em portugês com o nome Danças e Contradanças.

Este conjunto possui histórias banais, comuns e esquecíveis; mas também algumas marcantes e dignas de destaque. Na maioria nota-se uma faceta perversa e malévola, chegando a autora a reclamar a influência de Ray Bradbury. Em todos existe uma nota que refere o contexto que os terá originado – viagens, conversas ouvidas no autocarro, pequenas notícias de jornais ou simplesmente episódios da vida quotidiana.

Também as personagens são inspiradas em pessoas reais que terá encontrado nas suas deambulações e que nos contos dão origem a bruxas e mulheres golfinho.
De realçar um dos contos que fará a ponte entre dois distintos romances de Joanne Harris – Evil Seed e Chocolate; pois a autora terá sido criticada por essa diferença entre as obras.

Embora alguns contos sejam interessantes, esta não é a especialidade de Joanne Harris. A própria autora admite que é mais difícil escrever contos sendo o seu sucesso sempre duvidoso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.