Deathbird Stories – Harlan Ellison

deathbird

Eis um excepcional conjunto de contos negros de um autor bastante conhecido, Harlan Ellison. Negros que nem pesadelos e subvertendo a realidade de forma dura, crua e contagiosa, falam de deuses tornados homens e homens tornados deuses de forma pervertida e pungente.

A primeira história é um murro no estômago – The Whimper of Whipped Dogs começa com um brutal assassinato ao qual um bairro inteiro assiste, fascinado, incapaz de afastar o olhar, ou de se mover para chamar a polícia. Beth é uma das pessoas que assiste como que hipnotizada pela simultaneidade grotesca e bela do episódio – uma dança pela vida.

O segundo conto é menos pesado, mas igualmente bom. Along the Scenic Route é um banho de ironia desde a primeira linha, uma história em que o homem sente a sua masculinidade ameaçada pela ultrapassagem de outro carro e decide, num acesso de raiva e frustração, iniciar uma oficial corrida da morte com o outro condutor, apesar de avisado do armamento inferior que possui, e de ter a mulher no banco do lado.

Entre fantasmas eternos e minotauros divinos encontramos Basilisk onde um soldado cai numa emboscada, e acaba, sob tortura, por conceder aos inimigos toda a informação que estes procuram. De regresso a casa, descobre que, por vergonha, a mulher o deixou, os pais abandonaram a cidade, e irmã se esconde algures depois de mudar o nome como forma de obscurecer qualquer ligação familiar com ele.

Em Pretty Maggie Moneyeys um homem descobre um dia de sorte no casino, galardoado com prémio a cada utilização da slot machine onde, em vez de símbolos, vê uns intensos olhos verdes.  Bleeding Stones é outra das melhores histórias do conjunto onde as gárgulas ganham vida, começando por pingar sangue e terminando na chacina da espécie humana – chegou a sua era.

The face of Helene Bournouw revela a história de uma mulher tão bela que consegue tudo o que deseja de qualquer homem, com enorme desprendimento. Mas para que fim manipula tudo e todos? Mas não é a única. Também em Ernest and The Machine God conhecemos uma manipuladora nata, que ao encontrar a primeira adversidade, matou o oponente e foge de carro por estradas inóspitas.

São comuns as realidades paralelas, causadoras das mais conturbadas perseguições ou das mais inexplicáveis mortes, usadas como meio para os acontecimentos mais estranhos e surreais, sinónimo de loucura ou do uso de drogas. É nestas realidades que se encontram os minotauros ou os monstros que se combatem tal como herói nas histórias mais fantásticas – mas o final não é uma donzela como prémio.

É constante a presença da força do mal que vai sendo combatido, na maioria das vezes com pouco sucesso. Seja por insegurança, malvadez ou desistência, os seres humanos, fracos, acabam por cair nos seus próprios defeitos nas melhores oportunidades, e a escuridão, seja física ou psicológica, alastra-se lentamente.

Filhos de deuses ou deuses esquecidos das suas virtudes interagem com os humanos, deuses de dor e escuridão, deuses de coração duro que se transformam em humanos e se imiscuam para acordar vários séculos mais tarde, mas ainda assim, cegos à humanidade e por isso, poderosos.

Histórias pungentes, duras de sentimentos e acontecimentos, algumas interessantes exercícios da imaginação, outras murros no estômago, oscilando, tal como a primeira história entre o horrendo e o belo de forma fascinante. Recorrendo diversas vezes à ironia e ao sarcasmo, raramente os acontecimentos repercutem a favor das personagens, mostrando a sua fragilidade e pouca importância.

4 pensamentos sobre “Deathbird Stories – Harlan Ellison

  1. Pingback: Resumo de Leituras – Agosto (3) | Rascunhos

  2. Pingback: Últimas aquisições digitais (algumas gratuitas…) | Rascunhos

  3. Pingback: Assim foi: Conversas Imaginárias 2015 – As Leituras do ano | Rascunhos

  4. Pingback: Retrospectiva 2015 – Resumo literário | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s