Últimas aquisições

IMG_5826

As últimas compras têm sido dedicadas principalmente à banda desenhada. Destacam-se, claro, dois dos mais recentes lançamentos da G Floy, Tony Chu e Má Raça. A série Tony Chu vai no quarto volume e volta, com este volume, aos sucessivos episódios mirabolantes, em cenários estrondosos onde encontramos vários poderes associados à comida, resultando em cenas nojentas mas extraordinariamente cómicas. E dementes (para um comentário mais completo, podem consultar o post dedicado ao volume 4).

IMG_5842

Ma Raça de Jason Aaron e Ron Garney é um projecto há muito antecipado pelo autor, falando das pesadas heranças familiares, mais do peso psicológico do que de bens e propriedades. A história terá algumas alusões à sua própria herança e centra-se numa família em que a maldade e a raiva se herda, criando, geração a geração, episódios sangrentos e violentos.

IMG_5846

Continuando no ramo da Banda Desenhada, eis mais um volume de super-heróis pensados por Neil Gaiman que, neste caso, são desenvolvidos por vários outros autores. À direita encontra-se um volume isolado de Fables, Werewolves of the Heartland. Já por muitas vezes falei desta série que tem uma premissa semelhante e Once Upon a Time (sendo-lhe anterior em criação) – as criaturas do mundo das fábulas foram empurradas para o nosso Mundo pela Guerra. Este decorre com a mesma premissa mas fora da linha narrativa da série principal, Fables.

IMG_5829

H-Alt #2 é o segundo volume da revista de banda desenhada de história alternativa. À primeira vista nota-se o aumento do número de páginas, bem como da qualidade das histórias e da arte apresentada.

Por sua vez, Bibliotecas cheias de fantasmas foi lido assim que foi adquirido e tornou-se um dos meus livros favoritos – um livro sobre livros onde o autor espelha e transmite a sua paixão sobre livros e bibliotecas, fazendo crescer abismalmente a minha lista de desejos.

IMG_5833

Clarice Lispector é um dos nomes mais referidos na literatura brasileira, sendo conhecida internacionalmente pela qualidade das suas histórias. Quando digo conhecida, quero mesmo dizer, famosa. O que é estranho é que autora de tal notoriedade parece estar praticamente esquecida em Portugal. Felizmente a Relógio D’Água publicou recentemente uma edição em que compila todos os contos da autora (suponho que esta edição tenha sido criada à imagem da edição inglesa, da qual se assemelha em capa).

Narciso e Goldmund é um dos livros de Herman Hesse, autor que me fascinou com Contos Maravilhosos e com o qual me senti antagonizada com Uma biblioteca da Literatura Universal. Não tendo gostado particularmente de Viagem ao país da manhã, vamos lá ver o que este me reserva.

IMG_5863

Voltando à banda desenhada, tendo lido e gostado dos dois primeiros volumes de O comboio dos órfãos, decidi-me a encomendar os dois seguintes na versão original. A história centra-se nas crianças que foram distribuídas no início do século XX pela América, devido à grande concentração de órfãos na cidade. A inicial cuidada acção cedo toma proporções caóticas, fazendo com que se perdessem referências familiares.

IMG_5858

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s