Últimas aquisições

IMG_4406

Entre livros em segunda mão e promoções, eis as últimas aquisições. O conjunto é encabeçado por dois livros de Ray Bradbury, lançados em português pela Livros da Brasil na colecção Argonauta. Ray Bradbury, que dispensa apresentações, é responsável por alguns dos meus livros favoritos – Something Wicked This Way Comes, Fahrenheit 451 ou The Martian Chronicles. Estes, As Máquinas da Alegria e Os Frutos Dourados do Sol são duas colectâneas de contos. Deixo aqui a pequena sinopse do segundo:

The captain who takes a rocket to the sun to bring back a cup of sunlight, and the loveless girl who travels at night into bodies not her own, are just two of the characters to be encountered in this selection.

IMG_4452

Segue-se Turing de Christos H. Papamidimitriou e The Witch & Other Stories, uma colectânea de contos de Anton Chekhov. O primeiro é um curioso volume caracterizado como ficção científica mas que, até ao momento, me parece mais uma mistura entre romance e divulgação científica, em que as personagens principais têm um tórrido romance, e nos entretantos encontram um poderoso e inteligente motor de busca. Deixo-vos a sinopse:

Our hero is Turing, an interactive tutoring program and namesake (or virtual emanation?) of Alan Turing, World War II code breaker and father of computer science. In this unusual novel, Turing’s idiosyncratic version of intellectual history from a computational point of view unfolds in tandem with the story of a love affair involving Ethel, a successful computer executive, Alexandros, a melancholy archaeologist, and Ian, a charismatic hacker.

After Ethel (who shares her first name with Alan Turing’s mother) abandons Alexandros following a sundrenched idyll on Corfu, Turing appears on Alexandros’s computer screen to unfurl a tutorial on the history of ideas. He begins with the philosopher-mathematicians of ancient Greece — “discourse, dialogue, argument, proof… can only thrive in an egalitarian society” — and the Arab scholar in ninth-century Baghdad who invented algorithms; he moves on to many other topics, including cryptography and artificial intelligence, even economics and developmental biology. (These lessons are later critiqued amusingly and developed further in postings by a fictional newsgroup in the book’s afterword.)

As Turing’s lectures progress, the lives of Alexandros, Ethel, and Ian converge in dramatic fashion, and the story takes us from Corfu to Hong Kong, from Athens to San Francisco — and of course to the Internet, the disruptive technological and social force that emerges as the main locale and protagonist of the novel.Alternately pedagogical and romantic, Turing (A Novel about Computation) should appeal both to students and professionals who want a clear and entertaining account of the development of computation and to the general reader who enjoys novels of ideas.

IMG_4460

Os dois volumes da Alfaguara despertaram-me interesse pelas suas peculiares sinopses e pelas promoções de 50% da Bertrand. O primeiro, A Rocha Branca de Fernando Campos, parece explorar e transformar os contos mitológicos:

Na ilha de Lesbos, plantada no Mar Egeu, existiu uma poetisa que via no amor fonte inesgotável de inspiração para os poemas líricos que compunha. Esta é a história da poetisa mais famosa da antiguidade clássica: Safo de Lesbos. Encontramos Safo já viúva e com uma filha. Instigada pela fama de um certo jovem de beleza irresistível e sequiosa de viver novamente o amor, Safo enamora-se de Fáon, um velho barqueiro de Mitilene que as artes mágicas da deusa Afrodita transformaram no mais belo rapaz que alguma vez existiu. Dizem que o seu olhar é de luz mas a sua alma de gelo. O drama reside em que a alma ardente e jovem de Safo, presa no invólucro da velhice, ama o corpo jovem de Fáon, que encerra um espírito velho e desapaixonado. Mas Safo parece ignorar essa diferença e entrega-se sem reservas à paixão pelo homem de olhar fenício.que aconteceu naquele dia na rocha branca de Lêucade fez daquele lugar destino de peregrinação de muitas mulheres desesperadamente apaixonadas.

IMG_4464

A segunda vinda de Cristo, de John Niven, parece ser uma sátira:

«Sê Simpático». Foi este o único mandamento que Deus entregou a Moisés. E ninguém poderia ter adivinhado o resultado da insatisfação deste último ao recebê-lo das mãos do Senhor… Estamos em 2011 e Deus acabou de regressar de umas férias retemperadoras, apenas para encontrar a Sua criação virada do avesso: guerras mundiais, o Holocausto, fome, capitalismo desenfreado e… Cristãos. Cristãos por todo o lado. Inteirado por S. Pedro sobre os últimos acontecimentos na Terra, Deus decide que a única hipótese de repor a ordem é voltar a enviar o filho, Jesus, e esperar pelo melhor. Renascido no Midwest americano, e a tentar singrar como cantor e guitarrista em Nova Iorque, Jesus, JC para os amigos, encontra no programa de talentos Estrela Pop Americana a forma mais eficaz de chegar aos corações de todos e veicular a mensagem mais importante de todos os tempos, há muito perdida: «Sê Simpático.» E tudo parece estar a correr bem, mas a Humanidade tem má memória… Irreverente, chocante e hilariante, “A Segunda Vinda de Cristo” não usa de subterfúgios para criticar a religião organizada, a sociedade consumista, a desmedida obsessão pela fama e a cultura da mediocridade, imaginando o que aconteceria se o filho de Deus voltasse a pisar chão terreno.

IMG_4479

Por último, um livro de contos, de Clarice Lispector e uma banda desenhada que ando há muito tempo para adquirir, I Kill Giants, publicada em português pela Kingpin Books sobre a qual podem ler mais por aqui.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.