Tudo isto existe – João Ventura

João Ventura tem sido um dos prolíferos autores da ficção especulativa portuguesa (ficção científica e fantasia) produzindo com regularidade histórias para várias antologias portuguesas e, até, brasileiras. Entre o realismo mágico com toques de absurdo, ficção científica (incluindo o steampunk) e a fantasia “a sério” João Ventura é um autor consistente na qualidade que entrega e que publicou, agora, esta colectânea de histórias pela Editorial Divergência.

Dada a diversidade de histórias pela qual é conhecido, não é de estranhar, que esta colectânea a espelhe, contendo quatro diferentes secções: Curtas, Tudo isto existe, Fábulas académicas e Hiper-curtas. Esta separação pouco tem a ver com os vários géneros e mais com uma tentativa de agrupar, em formatos uma linha que os una.

Pequena peça de teatro apresentada no Fórum Fantástico baseada num conto de João Ventura que se encontra nesta colectânea

Na sinopse vemos a comparação a alguns autores como Borges, Calvino ou Córtazar, autores conhecidos pelos jogos de palavras e de ideias. A razão da comparação é justificada logo no primeiro conto, Crónica breve das 64 casas, uma história curta que aproveita o tabuleiro de xadrez para tecer uma pequena mas irónica subversão política.

Entre as vírgulas de Saramago e a vergonha perdida que não se encontra nos perdidos e achados, encontramos A tertúlia dos que não viajam, onde vários dos membros se reúnem para falar das viagens que nunca quererão fazer falando das cidades que nunca hão-de visitar. Com pequenos toques em Turing, pedras falantes e fados, vão-se desenrolando mais histórias curtas.

Apresentação do livro por João Ventura e dos editores Pedro Cipriano e Rogério Ribeiro. A apresentação decorreu no Fórum Fantástico 2018

As referências que deixei acima são apenas uma pequena parte dos contos carregados de imaginação de João Ventura, contos que podem pegar em elementos triviais do quotidiano e os apresentam sob nova luz, jogando com palavras e conceitos, dando vida ao inimaginável. São, sobretudo, histórias curtas de composição elegante que usam o mínimo de palavras, numa optimização refrescante que levam o leitor a estar atento a cada passagem.

Várias destas histórias curtas encontram-se também na página do autor Das Palavras o Espaço. A coletânea Tudo Isto Existe foi publicada pela Editorial Divergência.

3 pensamentos sobre “Tudo isto existe – João Ventura

  1. Pingback: Tudo isto existe – João Ventura — Rascunhos | O LADO ESCURO DA LUA

  2. Pingback: Resumo de leituras – Novembro de 2018 (3) | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.