Drifter – Vol. 3 – Ivan Brandon e Nic Klein

Já o disse e continuo a dizer – esta série é graficamente esplendorosa. Apresentando diferentes planos, algumas paisagens estranhas mas espectaculares e alienígenas misteriosos que parecem partilhar uma consciência comum, Drifter é, cada vez mais uma incógnita. Os episódios não se apresentam por ordem cronológica e ficamos com a sensação de que poderá existir alguma sobreposição de realidades.

A acção decorre num planeta mineiro. Seres humanos e alienígenas humanóides trabalham nas minas numa pequena cidade que recorda o Faroeste. Num bar soturno afogam-se as mágoas e estoiram as tensões, algumas com graves consequências. Pelo meio sabemos que a nave de uma das personagens principais se despenhou neste planeta e, a partir daqui, tudo se confunde, havendo várias pistas que nos fazem perceber que a continuidade espaço-tempo não é totalmente linear.

Este volume centra-se no estoirar das tensões entre os humanos e os alinígenas, tensões que parecem dever-se à diferença de perspectiva e de mentalidade. Os alienígenas agem em comunidade, como que tendo uma consciência comum, o que os torna estranhos aos seres humanos com que contactam. A tensão finalmente estoira, resultando numa carnificina de parte a parte. Entre estes fortes episódios confirmamos que a descontinuidade dos episódios está relacionada com a nave que despenhou. De que forma? É algo que só vai ser descoberto nos próximos volumes.

Pouco centrado nas personagens, apresentando incógnita atrás de incógnita, Drifter promete uma grande revelação nos próximos episódios, revelação que já começa a tardar, mas que se começa a compor, apesar de adiada pelo confronto em que se centra este volume. Até agora a série destaca-se pela grande qualidade visual mas falta, ainda, perceber, se o puzzle narrativo está à altura de tornar o conjunto numa série excelente, ou se será uma grande desilusão.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s