O Anel dos Lowenskolds – Selma Lagerlof

 

Poucas personagens são tão miseráveis quanto as de Selma Lagerlof em O Anel dos Lowenskolds. O anel no dedo do major-general do exército é um dos seus orgulhos – ganhou-o directamente do rei ao destacar-se na Guerra e ostenta-o como demonstração da sua autoridade. Quando morre os filhos deixam-no no caixão com o anel, como era de sua vontade, mas o excessivo zelo de um agricultor leva ao roubo da jóia antes de ser posta terra por cima do caixão.

A partir daqui quem detém o anel cai em desgraça, uma maldição do fantasma que não descansa enquanto não lho restituirem no dedo. A sucessão de desgraças quebra fortunas e fortes amores, arruinando a vida de várias pessoas, algumas inocentes, outras gananciosas.

Ainda que a justiça esteja desbalanceada em qualquer época, no ambiente rural do século XVII aqui retratado os nobres detém visivelmente poder sobre os restantes, utilizando-o para praticar a justiça de acordo com o que pensam – consultam-se as autoridades judiciais, mas em dúvida, mais vale eliminar mais um suspeito do que deixar um criminoso à solta e uma alma em agonia.

Mais curto do que outros livros da autora, contém a mesma forma de caracterizar personagens, definindo-as, mas dando a entender que até os mais valorosos podem cair em desgraça em determinadas circunstâncias.

O Anel dos Lowenskolds foi publicado pela E-Primatur.

3 pensamentos sobre “O Anel dos Lowenskolds – Selma Lagerlof

  1. Pingback: Resumo de Leituras – Agosto de 2018 (2) | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.