Ditirambos é outra das novidades prevista para o Festival de Beja, tratando-se de uma antologia:

Um ditirambo é um canto coral exortativo que nos chega da antiguidade clássica grega. Nele, uma multitude de vozes se une, em homenagem ritualística ao deus Dionísio. Seguramente com menos libações, mas com o mesmo fervor, nasce aqui uma nova antologia de banda desenhada portuguesa. O primeiro número explora o conceito de “Êxtase”, e conta com as contribuições de Ricardo Baptista, Nuno Filipe Cancelinha, Diogo Carvalho, Raquel Costa, Francisco Ferreira e Sofia Neto. As distintas técnicas e vozes narrativas obedecem, para além do leitmotiv, a um único requisito: 4 páginas.