Jogos aos Sábados – Trapwords

Conhecem o Tabú? Um jogo (ou prova em party games) em que têm de dar pistas aos vossos parceiros de equipa para que estes cheguem a uma palavra – mas sem referirem um conjunto pré-definido de várias outras palavras? Bem, Trapwords pega no mesmo conceito, mas adiciona várias dificuldades e variantes que tornam o jogo mais estimulante, variado e divertido.

Primeiro que tudo, não existe uma lista pré-definida de pistas proibidas. A lista é construída pela equipa adversária e quem dá as pistas não sabe quais são as palavras que não pode dizer. Tem, então, de procurar caminhos alternativos ou menos óbvios para se fazer entender. A lista será tanto maior quanto maior o nível em que a equipa se encontre.

Um dos factores diferenciadores deste jogo é a forma como se expõe na mesa: sete peças que representam uma masmorra que deve ser percorrida por ambas as equipas. Ao longo da masmorra vão encontrar elementos adicionais que fazem variar as provas. Estas maldições dificultam a tarefa e podem ser coisas tão diferentes como palavras adicionais, não respirar ou não dizer nenhuma palavra começada pela letra S.

Para além destas variações, Trapwords pode ser adaptado consoante os jogadores. Existem dois tipos de livro, os fantásticos e os “normais”, e as cartas que contêm as palavras objectivo podem ser enquadradas no livro consoante o tema que os jogadores pretendem explorar.

Também a dificuldade das provas pode ser diferente. É possível, por exemplo, começar numa masmorra de nível 3 (quanto maior o nível, maior o número de pistas impossíveis – aqui designadas como armadilhas). O número de maldições também pode ser alterado e existem vários monstros finais.

Em termos de mecânicas, Trapwords é um jogo de equipas, leve e divertido que funciona bem com quem gosta de jogos de palavras como Codenames. As jogadas são rápidas e a equipa que está parada irá manter o interesse no jogo, nem que seja para perceber o tipo de pistas que são trocadas pela equipa adversária.

Com um tema bastante fantástico, Trapwords possui desenhos alusivos a um percurso numa masmorra, com monstros e maldições. O tema fantástico pode ser atractivo para jogadores mais jovens ainda que o jogo aguente uma audiência mais adulta.

Para além de visualmente atraente, Trapwords destaca-se pelos componentes. A caixa é pequena e adequada ao conteúdo e os componentes, apesar de simples e eficazes, denotam ter tido algum cuidado por detrás – o jogo inclui lápis, mas também um afia.

Um dos mais recentes lançamentos da Devir é um party game de tema fantástico e bastante dinâmico!

O forte tema fantástico pode afastar alguns jogadores (ainda que, no meu caso, seja um elemento positivo) e nem todas as pessoas gostam de party games. Há várias reviews que indicam que o jogo poderia ter uma versão simplificada, sem extras fantásticos. Na minha opinião, estes extras fornecem variabilidade.

Como party game, Trapwords destaca-se por ser rápido e simples de aprender, caber numa caixa pequena, e proporcionar momentos engraçados com variação constante. Elementos como as maldições introduzem o efeito de novidade ao longo do jogo e fazem com que cada jogatana seja diferente.

A opinião final é bastante positiva – Trapwords proporciona uma experiência muito dinâmica desde que jogado com um grupo que aprecie party games.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.