Tony Chu Detective Canibal – Ao gosto do Freguês

IMG_3513

Para além de Saga esta é outra das grandes séries em que a G Floy apostou, e que me interessou bastante. A premissa é simples – num mundo em tudo semelhante ao nosso a carne de frango está proibida. Sendo indicada pelo Governo como o veículo de contaminação de uma grande epidemia, a carne é apenas comercializada clandestinamente a elevados preços, dando origem a toda uma rede de crime organizado.

Mas que tem Tony Chu a ver com o sucedido? Bem, Tony é um dos dois detectives de vigília a um restaurante clandestino de frango – mas um detective com um poder bastante peculiar. Capaz de absorver pensamentos ou conhecimentos em quase tudo o que come, esta capacidade é também uma maldição, pois, quem quererá reviver os últimos momentos da matança do animal que come, ou saber detalhadamente os pesticidas usados na maçã que se acabou de morder?

IMG_3533

A missão termina com resultados dúbios. O restaurante que vigiam era um local protegido pela FDA (Food and Drug Administration) e quando entram para provar as iguarias Tony percebe, pela sopa, que o cozinheiro é um assassino em série. No final, provam-se as mortes, mas o parceiro de Tony acaba gravemente ferido no hospital. Ainda por cima, Tony não consegue explicar porque foi encontrado a morder o pescoço do assassino para lhe absorver o sangue. Um episódio deveras bizarro para quem não lhe conhece as faculdades.

Mas se pensava que a carreira estava acabada, uma reviravolta inesperada leva-o a um lugar de detective na própria FDA onde, em prol das investigações, é instigado a provar nojentos restos de locais de crime. Como dedos em decomposição. Felizmente que, neste novo posto, nem tudo é desagradável – conhece um colega com faculdades semelhantes e apaixona-se por uma jovem que será uma das maiores críticas de comida, capaz de reproduzir no leitor os sabores que provou.

IMG_3543

Tony é, em suma, um toni, um homem que se enjoa de toda a comida por conta dos efeitos que lhe trazem, demasiado correcto para contornar as regras quando confrontado com familiares em situação duvidosa, demasiado tímido para falar à jovem que admira mas, ainda assim, um detective engenhoso e astucioso quando pretende atingir os seus objectivos.

Com detalhes peculiarmente nojentos, Tony Chu consegue ser uma história engraçada, carregada de episódios violentos e grosseiros que se transfiguram em episódios hilariantes de tão descabidos. Denotando uma relação conflituosa com a comida, explora, em simultâneo, vínculos de fascínio ou de repulsa pelos alimentos, como base de doenças, origem de poderes psíquicos ou experiência de destaque em restaurantes gourmet. Uma história pela qual espero impacientemente pelo segundo volume (que segunda a editora já estará a ser trabalhado).

Anúncios

13 pensamentos sobre “Tony Chu Detective Canibal – Ao gosto do Freguês

  1. Pingback: Tony Chu Detective Canibal - Ao gosto do Fregu&...

  2. Pingback: Resumo de Leituras – Março de 2015 (3) | Rascunhos

  3. Pingback: Destaque da semana: Lançamentos da G Floy | Rascunhos

  4. Pingback: Tony Chu Detective Canibal Vol. 2 – Sabor Internacional | Rascunhos

  5. Pingback: Retrospectiva 2015 – Resumo literário | Rascunhos

  6. Pingback: Tony Chu Detective Canibal Vol. 3 – Enfarda Brutos | Rascunhos

  7. Pingback: Destaque: Tony Chu Vol.4 – John Kayman e Rob Guillory | Rascunhos

  8. Pingback: Tony Chu Vol.4 – John Layman e Rob Guillory | Rascunhos

  9. Pingback: Tony Chu – Vol.5 – John Layman e Rob Guillory | Rascunhos

  10. Pingback: Tony Chu – Vol.8 – Receitas de Família – John Layman e Rob Guilorry | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.