O Sono do Monstro – Enki Bilal

img_2051

Se, em A Feira dos Imortais (primeira história reunida neste volume duplo) tinha sentido uma grande diferença para as histórias mais recentes, inóspitas em elementos com paisagens desérticas, poucas personagens e muita melancolia numa sociedade pós-colapso, O Sono do Monstro volta a revelar uma mente mais imaginativa onde são possíveis as histórias mais movimentadas e um maior desenvolvimento de premissa.

img_1982

O futuro aqui apresentado está carregado de elementos conhecidos, mas ligeiramente transformados, como uma espécie de nostalgia pelo nosso próprio tempo criando uma relação sem quebra com o nosso mundo. A guerra existe e foi nela que Nike se tornou órfão. Dotado de uma memória prodigiosa, recorda os bebés que o rodeavam e os primeiros momentos de vida e dedica-se a procurar os irmãos perdidos.

img_1987

Nesta sociedade desequilibrada em que é palpável a perda do valor do indivíduo é possível clonar um ser humano e substitui-lo. Não por um elemento biológico, mas por uma espécie de robot de aparência humana. Foi o que aconteceu à namorada de Nike – será que também o duplicaram?

img_1992

Enquanto a investigação decorre na Estação Espacial ocorre a desgraça. Uma série de moscas ataca de forma sangrenta os dois ocupantes, causando o caos – está em marcha um plano político grotesco, violento e sem escrúpulos onde as pessoas chave são postas em causa ou eliminadas.

img_1996

Tal como os desenhos são mais definidos, também a história apresenta contornos mais fixos do que as obras mais recentes, mais detalhada e fascinante, mais imaginativa em mundos carregados de mais possibilidades e percursos. Vê-se, no entanto, a mesma linha narrativa, a mesma tragicidade nos relacionamentos tempestuosos e sexualmente intensos, a mesma inevitabilidade decadente e destrutiva em que as personagens mais introspectivas agem de forma coerente, como âncoras em torno das quais se tece toda a narrativa.

O volume duplo A Feira dos Imortais / O Sono do Monstro foi publicado pela Edições Asa com o Público.

2 pensamentos sobre “O Sono do Monstro – Enki Bilal

  1. Pingback: Resumo de Leituras – Fevereiro de 2017 (3) | Rascunhos

  2. Pingback: Devaneios com URL #9 – Imaginauta

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s