Sandaman Vol. 8 – A estalagem no fim do Mundo

Bem nos avisa Stephen King no seu prefácio a este oitavo volume que vamos encontrar história dentro de história, dentro de história, qual série de Matrioskas em que nunca sabemos quando termina a inclusão nem as referências a outras histórias e mitos. Numa estalagem onde a paga é um relato inédito, o tempo é suspenso e pessoas de diferentes origens trocam contos curiosos.

Este volume abre com um conto fora deste círculo eterno de histórias, onde o Sultão de Bagdad angostia quando contempla a perfeição da sua grande cidade. No mercado encontram-se todas as maravilhas do mundo e conhecem-se todas as histórias que podem ser conhecidas. Perante a cidade de diversão, de maravilhas e de cultura, a angústia do Sultão é só uma – como preservar eternamente a cidade perfeita.

A segunda componente deste volume começa com a viagem de carro de duas pessoas. O percurso é longo, a noite é escura, mas a surpresa da viagem começa quando começa a nevar em pleno Junho. O condutor, cansado, continua a conduzir ao invés de acordar a outra pessoa que o acompanha para o substituir. Acontece o inevitável acidente. Distantes de qualquer estrada, encaminham-se para uma estalagem no meio da tempestade. Tal como eles, outros se refugiam a troco de uma história.

História atrás de história falam-se de cidades distantes e maravilhosas que sucumbiram à ganância de um governador impostor, de sonhos de cidades compostos por parcelas reais e outras inexistentes, ou de necrópoles, cidades destinadas a executar os ritos funerários, por forma a fornecer a última despedida à família. Em torno da necrópoles vamos conhecendo os seus trabalhadores e cada um, à vez, conta as suas próprias histórias.

Novamente pouco centrado em Sonho, mas mais no seu reino e nas suas capacidades, constituindo uma personagem presente mais pela sua influência do que pela sua presença física, o oitavo volume de Sandman mostra-nos a extensão dos domínios de Sonho e o seu poder longínquo no espaço e no tempo.

A série Sandman foi publicada pela Levoir em parceria com o jornal Público mas já se encontra disponível nas livrarias.

2 pensamentos sobre “Sandaman Vol. 8 – A estalagem no fim do Mundo

  1. Pingback: Resumo de leituras – Fevereiro de 2018 (1) | Rascunhos

  2. Pingback: Resumo de leituras – Fevereiro de 2018 (2) | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.