Astérix – O Menir de Ouro – R. Goscinny e A. Uderzo

Este volume não é uma história de banda desenhada, mas uma história ilustrada que pode ser acompanhada pela versão sonora em que podemos, finalmente, conhecer os dotes vocais de Cacofonix.

A premissa é simples. Com o aproximar da competição O Menir de Ouro, o bardo da aldeia decide-se a competir pelo prémio. Antevendo a reacção do público, Astérix e Obélix deslocam-se com o bardo a fim de o proteger. Enquanto isso, o general Mentolitus aborrece-se longe de roma e pede ao seu centurião para ir raptar um bardo. A forma como estas duas linhas se cruzam é óbvia e acaba, claro, numa grande zaragata.

A componente mais interessante desta história é a apresentação dos vários bardos com as suas músicas, versões adaptadas do Festival da Canção, recordando-se vários dos clássicos portugueses que ficaram célebres nesta competição.

A história, de rápida leitura, tem episódios engraçados, apesar de ser curta e linear. A cada página encontramos um breve enquadramento, seguido por um diálogo. Esta forma de apresentação permite conferir dinamismo à história. As ilustrações são do mesmo estilo das que encontramos na banda desenhada.

O resultado é engraçado e divertido, mas menos interessante do que os livros de banda desenhada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.