Últimas aquisições

IMG_5665

Ou como me desgracei na Feira do Livro. Sim, estas foram as aquisições de uma passagem rápida (1H) em que aproveitei algumas das promoções que me interessavam. Logo na entrada da feira deparo-me com os stands dos alfarrabistas, completamente atoladas de visitantes. Entre os vislumbres lá encontrei este volume da Afrodite, O Encoberto de Natália Correia.

IMG_5686

A próxima paragem foi no stand da Tinta da China e lá aproveitei um bom desconto num dos livros da colecção de literatura de viagem, neste caso um livro carregado de peculiares ilustrações:

Sempre acompanhado de um caderno onde se misturam desenhos e anotações, tenho viajado pela chamada “Etiópia histórica”.
Escrevo e desenho para lembrar o que é desaparecer do meu mundo habitual e continuar ainda assim vivo, podendo ver, ouvir, cheirar e falar. Faço-o para criar um testemunho gráfico do que sinto como viagens de ida e volta a um mundo ao contrário. Quando viajei pela primeira vez para a Etiópia, em 1999, ressuscitei um prazer que me tinha negado durante anos, desde a traumática perda de um caderno de desenhos em Tavira: o de desenhar desperocupada mas obsessivamente quando viajo. Desde então, tenho uma consciência mais aguda do que implica fixar, em caderno, clichês memoriais: enquanto viajo, o desenho não passa de um subproduto irrelevante da minha actividade de desenhador e fixador de visões, mas quando regresso a casa o desenho torna-se um precioso catalisador da memória e do imaginário.

IMG_5694

Claro que não podia deixar de aproveitar a boa promoção do vencedor do prémio Adamastor, Nome de Código Portograal de Luís Corredoura, que há algum tempo se mantém na minha lista de desejos. Por sua vez Estamos todos completamente fora de nós de Karen Joy Fowles é um lançamento recente que, olhando apenas para a capa, dificilmente me teria interessado:

Aplaudido pela crítica e pelos leitores, Estamos todos completamente fora de nós é um romance sobre pessoas afetuosas, mas humanas, cujas boas intenções desencadeiam consequências devastadoras para aqueles que mais amam.

Quando tinha cinco anos, Rosemary foi passar o verão a casa dos avós. Ao regressar para junto da família, descobre que a irmã desapareceu e, mais inquietante ainda, esse é um assunto de que não se fala. Os anos passam e ela permanece filha única apesar de em tempos ter tido uma irmã da sua idade e um irmão mais velho. Ambos desapareceram. Lowell é um fugitivo, procurado pelo FBI. Mas onde está Fern, a sua cúmplice, a sua alma gémea?

IMG_5704

Finalmente, dois volumes de uma banda desenhada que, como livro do dia, me despertou interesse.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.