Planeta Psicose – Ricardo Santo

Pensem em todas as teorias de conspiração mais absurdas! E agora imaginem que alguém pega nelas como premissa para várias histórias! Assim é Planeta Psicose que cruza bases na lua com a sobrevivência de Elvis, alienígenas na exterminação dos dinossauros com a construção de pirâmides e os Illuminati.

Tudo é fabulosamente demente! O poder dos cristais está par a par com a descrença na ciência para uma das personagens que tem o filho em homeschooling – que pode, afinal, a escola ensinar a uma criança tão inteligente e desenvolvida?

Divertido e dinâmico em narrativa, com cores fortes e um desenho expressivo! Apesar do cruzamento de teorias existe um fio condutor nas histórias que é levado de forma simples e competente pelo autor. As cenas de acção sucedem-se, entretanto novas reviravoltas dementes a cada página, numa cadência controlada que resulta numa narrativa que nunca pára de surpreender.

O desenho, a cores, talvez pudesse beneficiar de impressão num papel de diferente qualidade, mas o resultado é, ainda assim, bom. Em suma, acompanha bem a demência narrativa, alternando entre cenários distintos e focando-se ora em criaturas míticas, dinossauros ou alienígenas, sem esquecer, claro, os humanos de aspecto psicadélico e psicótico.

Planeta Psicose é, sobretudo, uma leitura divertida, carregada de ironia e demência que diverte enquanto entrega uma ridicularização das principais teorias de conspiração. Este livro foi publicado em Portugal pela Escorpião Azul.

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.