O Telescópio de Âmbar – Philip Pullman

Terceiro e último volume da trilogia His Dark Materials, O Telescópio de Âmbar (de título original The Amber Spyglass) termina a aventura de Lya e Will. Neste último livro acompanhamos também uma investigadora que conheceu Lya, e que seguindo as indicações dadas pelas sombras ou matéria pó, encontrou uma janela para outro mundo, o mundo dos espectros que conhecemos em A Torre dos Anjos. Daí, viaja para um outro mundo onde não existem seres humanos, povoado por seres sapientes onde a simetria dos animais evoluiu de forma diferente.

Simultaneamente, Lya é raptada pela mãe, que ao contrário do que seria previsto, pretende protegê-la dos assassinos da Igreja e Tom procura, conjuntamente com o Rei dos Ursos, uma forma de salvar Lya. Após o salvamento, os pais de Lya cooperam para a salvar, e esta viaja com Tom para o mundo dos mortos, que, sendo uma vida para além da morte, é antes uma prisão de almas torturadas em decadência, que progressivamente se esquecem de tudo o que fizeram em vida.

De tensão crescente, o crescimento das personagens já evidente em A Tore dos Anjos acentua-se e ficamos a conhecer a forma como os diferentes mundos interagem. No final, nem todos os desfechos são felizes, se alguns problemas ficam solucionados de forma positiva, noutros há que assumir a responsabilidade das escolhas tomadas.  Com um fecho satisfatório para as restantes pontas soltas, esta é uma trilogia fantástica envolvente, onde conhecemos personagens pouco comuns neste tipo de aventuras: um explorador que se torna shaman ou uma investigadora que já foi freira. Ainda que exista uma separação evidente entre os “bons” e os “maus”  esta consegue tornar-se bastante ténue, e se no início a história possua um tom infantil este vai-se tornando cada vez mais adulto, acompanhando as personagens.

Bem escrita e estruturada, esta é uma leitura acessível que, tendo algumas cenas desnecessárias, é bastante interessante e diferente das comuns séries fantásticas juvenis, podendo ser lido por adultos sem se sentir condescendência.

3 pensamentos sobre “O Telescópio de Âmbar – Philip Pullman

  1. Pingback: His Dark Materials – Philip Pullman – Adaptação para cinema | Rascunhos

  2. Pingback: Alguns lançamentos nacionais para o ano de 2018 – parte 1 | Rascunhos

  3. Pingback: O Livro do Pó – Philip Pullman | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.