Bouncer – Volume 1 – Boucq e Jodorowsky

img_1564

 

Feios, porcos e maus. Nas zonas selvagens, fora das maiores cidades, a realidade americana estava longe da versão idílica e romanceada de cidades poerentas onde todos conseguem estar limpos e impecáveis, e onde a maioria dos vizinhos são amistosos e correctos. Em terra sem lei ou onde esta é imposta por uma pessoa com interesses próprios que a poucos presta contas, a cada um cabe defender-se e zelar pelos seus próprios interesses. Nesta terra implacável quem sobrevive é o mais forte, o mais rápido, o mais cruel e destemido.

img_1397

Após a Guerra da Secessão, um batalhão continua a sua própria luta, pilhando as quintas por onde passam e matando os soldados que ousam desertar. Reconhecendo os excessos cometidos e a possibilidade de serem castigados ou perseguidos, o batalhão acaba por se dispersar, com promessas de Ralton, o implacável chefe, de se voltarem a reunir um dia.

Anos mais tarde, a promessa cumpre-se e Ralton reúne o bando, encontrando um deles, Blake, casado com uma Índia. Com ele encontra uns revólveres especiais que estarão associados ao tesouro que procura, um famoso diamante. O encontro resulta na chacina de Blake e da esposa, carnificina a que se assiste, escondido, o jovem filho.

img_1401

O jovem foge ileso, mas de intenções obscurecidas pelo desespero e pela necessidade de justiça e, sobretudo, vingança. Na cidade procura um amigo do pai, afinal seu tio que, apesar de ter perdido um braço, é capaz de manter a ordem numa das mais movimentadas tabernas da cidade. É através deste familiar que descobre algumas das histórias dos irmãos, como se transformaram nos homens que são, bem como a origem das fabulosas pistolas de Blake.

img_1408

Retratando o interior da América como um local implacável aproveita para explorar as fabulosas paisagens, extensas e calmas, em contraste com o movimento visceral das cidades, mais sombrio, onde os homens impõem os seus modos selvagens. O vilão possui as características comuns de maldade cruzada com inteligência, mas demasiada ganância, e o nosso herói Bouncer, sendo um homem com defeitos, dado o enquadramento, é o homem que age correctamente sempre que é preciso, com domínio sobre as decisões que toma mas sem complacência.

A série Bouncer foi publicada em Portugal pela Asa até ao volume 7.

Um pensamento sobre “Bouncer – Volume 1 – Boucq e Jodorowsky

  1. Pingback: Bouncer – Vol.2 – Boucq e Jodorowsky | Rascunhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s