A ficção especulativa em Portugal – 2017

2016 foi, comparativamente a 2017, um ano muito bom. 2017 conseguiu manter alguns dos eventos, mas esmoreceu nas visitas estrangeiras. Veremos o que vem com 2018.

O ano começou em grande, com os eventos de lançamento de Terrarium (de Luís Filipe Silva e João Barreiros), sessão de Sustos às sextas, Devoradores de Livros, Comunidade de Leitores Culturgest e filme de culto de Filipe Melo.

Depois da apresentação inicial da Comic Con (ainda em 2016) decorreu uma sessão na Leituria, integrada nos Devoradores de Livros, e uma na FNAC com a presença de Rui Zink. As sessões foram divertidas e bem humoradas com as usuais boas tiradas do Tio Barreiros que podem ser ouvidas na entrevista sobre o livro.

O evento Devoradores de Livros sofreu uma pausa em 2017 mas já tem sessão para Janeiro de 2018 agendada!

Por sua vez, os Sustos às Sextas de 2017 também garantiu momentos interessantes, com exposições, contos ou marionetas, tendo aberto, este ano, espaço para sugestões de leitura! Infelizmente o evento não retorna em 2018, mas esperemos que não seja o fim de um dos poucos eventos dedicados ao Terror em Portugal que não cai e se baseia apenas no Gore.

O ano começou, também, com a ida à Comunidade de Leitores Culturgest (entre dois mundos) a dia 12 de Janeiro para a sessão de Santuário de Andrew Michael Hurley, mas desgostei tanto da sessão que foi a primeira e a única.

Destas sessões de culto organizadas por Filipe Melo (que infelizmente já não se verificam em 2018) fizeram parte filmes como Dellamorte Dellamore ou Fearless Vampire Killers e vieram convidados como Greg Sestero (actor no filme The Room) ou Lloyd Kaufman (TROMA). Este foi um dos eventos que marcou o ano e que nos fazia antecipar a ida mensal ao cinema pelo excelente clima que se verificava na sala.

Também o evento Recordar os Esquecidos parou em 2017, tendo sido efectuadas 29 sessões com a moderação de João Morales. A última sessão teve como convidados alguns editores ao invés dos usuais escritores: Guilhermina Gones (Círculo de Leitores e Temas e Debates), João Rodrigues (Sextante editora), Maria Afonso (Antígona) e Hugo Xavier (E-Primatur). Ao longo destas sessões foram várias as indicações que me fizeram ler algumas obras pouco prováveis.

Na  biblioteca de São Lázaro decorreram dois lançamentos da Editorial Divergência, o primeiro do livro Lovesenda de António de Macedo onde tive oportunidade de falar um pouco sobre o livro, e o segundo da antologia Monstros que nos habitam, que reúne vários contos sobrenaturais de autores nacionais.

O Sci-fi LX deste ano teve várias sessões ligadas à literatura e voltou a explorar o pavilhão central do IST, tendo espaço para vários workshops interessantes, jogos e cinema. Continua a ser um evento em expansão, gratuito e acessível para todas as idades e esperemos que continue a crescer nos próximos anos.

Uma das grandes novidades deste ano veio com a antecipação do Fórum Fantástico no calendário que decorreu em Setembro, permitindo a exploração dos espaços ao ar livre da Biblioteca, com uma tenda para a venda de livros e espaços para a venda de produtos relacionados com a fantasia ou o Steampunk. De realçar, também, a presença de Mike e Linda Carey, dois autores de ficção científica e fantástico que também têm estado envolvidos na banda desenhada.

Outra das grandes novidades deste ano foi o Festival Bang, organizado pela Saída de Emergência que teve como principal convidada a Anne Bishop. Não tendo podido estar presente, deixo-vos o relato do Artur Coelho.

Entre eventos dedicados a Tolkien e a Arthur C. Clarke, decorreu ainda a Comic Con com convidados como Andrzej Sapkowski e Claire Nort (que gostaria que tivessem tido algum evento no Sul do país, mas infelizmente tal não se verificou).

Lançamentos

O Jorge  Candeias já antecipou esta componente,  mas destaco que tanto Comandante Serralves – Expansão como Crazy Equóides são lançamentos previstos para 2018 (nota que o próprio levanta, dizendo que a compilação são de alertas de lançamento e não de lançamentos efectivos).

De 2017 realçaria os seguintes (ordem alfabética):

  • A Estrada Subterrânea – Colson Whitehead
  • A Rapariga que Sabia Demais – M. R. Carey
  • A Revolta de Atlas – Ayn Rand
  • A Súbita Aparição de Hope Arden – Claire North
  • Almanaque Steampunk – vários autores
  • Anjos – Carlos Silva
  • As nuvens de Hamburgo – Pedro Cipriano
  • Autoridade – Jeff VanderMeer
  • Contos do Gin-Tonic e Outros Preparados Inéditos – Mário-Henrique Leiria
  • Lovesenda – António de Macedo
  • Mulheres Perigosas – org. George R. R. Martin e Gardner Dozois
  • Normal – Warren Ellis
  • O Espírito da Ficção Científica – Roberto Bolaño
  • O Homem Duplo – Philip K. Dick
  • Os Cavalos de Abdera e Mais Forças Estranhas – Leopoldo Lugones
  • Os monstros que nos habitam – vários autores
  • Os Pássaros no Fim do Mundo – Charlie Jane Anders
  • Os Três Estigmas de Palmer Eldritch – Philip K. Dick
  • Reino do Amanhã – J. G. Ballard
  • Relatório Minoritário e Outros Contos – Philip K. Dick
  • Terrarium – João Barreiros e Luís Filipe Silva

Resumos de outros anos

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s