O Imortal Punho de Ferro – Vol.2 – As sete cidades capitais do céu

Esta é uma das mais recentes séries da Marvel publicadas em Portugal pela G Floy. Trata-se de uma série que se distingue das habituais Marvel tanto a nível gráficos como narrativos. Ed Brubaker é conhecido por várias séries fora do mundo Marvel, algumas noir, de tom forte e de leitura inesquecível pelo dinamismo das personagens (recordo, rapidamente, The Fade Out ou Criminal). Já Velvet, do mesmo autor, e mais voltado para a rápida acção ao apresentar uma agente secreta, se destaca pelo excelente desenvolvimento da personagem.

Em O Imortal Punho de Ferro não é só a narrativa que se distingue, mas também o visual pois vários artistas participaram, contribuindo com páginas de estilo distinto nalguns episódios mais marcantes. A história cruza narrativas de tempos distantes, linhas que explicam os acontecimentos em vários níveis e se completam de forma inteligente.

A história centra-se no herói, Daniel Rand, um 66º Imortal Punho de Ferro, um título que o carrega de várias formas – envenenou fortes relacionamentos antigos e afasta-o ainda mais de uma sociedade onde é visto como um forasteiro, alguém que não tem direito a ser o Imortal Punho de ferro.

Carregado de acção mas dando espaço ao desenvolvimento psicológico da personagem, este segundo volume apresenta outras personagens e dá voz às suas lutas sociais, mostrando como os mais fracos (ou teoricamente mais fracos) se podem juntar e vencer um inimigo poderoso. A par com uma revolução luta-se contra uma invasão e agentes da Hydra, opondo-se as lutas externas com as lutas internas.

Entre uma cidade fora do espaço e do tempo e o resto da realidade, vão-se revelando detalhes da vida de Daniel Rand e do pai – detalhes que aumentam o interesse e baixam a linearidade do nosso entendimento. Mas não se julgue estar perante um volume demasiado introspectivo – existem lutas, várias, entre guerreiros de capacidades muito próprias, e batalhas épicas de reviravoltas marcantes.

Este segundo volume de O Imortal Punho de ferro revela uma complexidade narrativa pouco usual nas histórias da Marvel. Entenda-se que a complexidade aqui presente reflecte acontecimentos e personagens pouco lineares (ou seja, mais personagens com interesses próprios e lutas interiores), e não a confusão de linhas temporais alternativas e sobrepostas como nalguns álbuns Marvel.

A série O Imortal Punho de Ferro é publicada pela G Floy.

Outros livros dos autores

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.